Cuidado! Achocolatado em pó tem mais açúcar do que deveria

Que toda criança gosta de doce, não é novidade. Mas se o achocolatado em pó está presente sempre que os seus pequenos bebem leite é melhor tomar cuidado! Veja aqui a quantidade de açúcar presente nesse produto, que pode ser muito gostoso, mas traz grandes prejuízos à saúde das crianças. Além disso, separamos também alternativas para cortar esse alimento do cardápio.

Share Button

shutterstock_3619303912222

Já falamos aqui sobre a quantidade excessiva de açúcar presente nos sucos de caixinha. Mas é preciso ficar de olho também no achocolatado em pó.

Que criança gosta de doce, não é novidade. Mas a gente já sabe que o consumo excessivo de açúcar pode prejudicar a saúde dos pequenos, podendo causar cáries, obesidade e até mesmo doenças crônicas, como a diabetes. É por esses motivos que a OMS (Organização Mundial da Saúde) sugere que o consumo de açúcar seja reduzido para 25g por dia. Nessa conta, não está incluso o açúcar presente naturalmente em frutas, verduras e legumes, que não precisa (e nem deve) ser regulado.

O problema com os achocolatados em pó é que eles geralmente estão presentes sempre que os pequenos bebem leite. Levando em consideração que a quantidade indicada de leite para uma dieta saudável é de três copos por dia, o consumo de açúcar por causa dos achocolatados pode chegar a 45g por dia, como pode ser visto na tabela abaixo. Ou seja, quase duas vezes o indicado pela OMS!

Quantidade de açúcar no achocolatado em pó

Bebidas extremamente adocicadas, como o leite com achocolatado em pó, são apontadas por especialistas como uma das grandes causas de excesso de peso nos pequenos. Por isso, é importante buscar alternativas para evitar o consumo exagerado desse alimento tão pouco nutritivo.

Para matar a sede, ofereça água, água de coco ou sucos naturais. A maioria dos sucos não precisa de adição de açúcar, basta acostumar aos poucos o paladar da criança a alimentos um pouco menos doces.

Como substituir o leite com chocolate?

Se seu filho já está acostumado com o achocolatado em pó no leite, uma dica é ir tirando aos poucos o produto da dieta: substituir o achocolatado por cacau em pó e adicionar açúcar mascavo (quanto mais escuro o açúcar, mais vitaminas e sais minerais ele possui) é uma opção. Com o tempo, é possível diminuir a quantidade de açúcar até que o paladar da criança se acostume. Outra alternativa é bater o leite com frutas variadas. Para que a criança não se importe com a mudança, os pais podem criar uma brincadeira, associando as cores das frutas com o resultado final do leite batido.

Outras fontes de cálcio

O cálcio é essencial para uma dieta saudável. O nutriente é responsável pela boa formação e manutenção dos ossos e dentes, coagulação do sangue e contração muscular. O leite é, sem dúvidas, uma das melhores e mais importantes fontes de cálcio que a criança tem na sua alimentação. Mas se o seu filho não consegue se adaptar ao leite sem achocolatado, há outras opções.

O nutriente está presente em grande quantidade em derivados do leite (como iogurte e queijos) e verduras como o brócolis, espinafre e agrião. Outros alimentos que são ricos em cálcio são gergelim, coentro e peixes como salmão, bacalhau e sardinha.

Vale lembrar que a vitamina D é fundamental na fixação do cálcio e sua principal fonte é o próprio sol! Quinze minutos são suficientes, mas por que não levar os pequenos para um passeio no parque?

A refeição mais importante do dia

Vale lembrar que o leite não é o único alimento que as crianças precisam no seu dia a dia, especialmente no café da manhã. Para que seu pequeno se alimente bem e tenha energia para aproveitar o dia todo, é importante oferecer um café da manhã reforçado, com grande variedade de nutrientes.

Os carboidratos podem ser encontrados no pão (de preferência integral), torrada, biscoito sem recheio e sem gordura saturada, tapioca ou cereal matinal (com pouco teor de açúcar). As proteínas estão presentes no leite (integral ou semi desnatado), iogurte, requeijão, queijo branco, peito de peru ou ovo mexido. Por fim, não podemos esquecer das frutas, que fornecem vitaminas, minerais e fibras.

Viram como não é tão complicado diminuir o consumo de achocolatado? Você possuem alguma receitinha ou indicação de bebida para recomendar para as outras mamães?

Share Button