Mudança escolar: ajude seu filho nessa fase

Entenda como atitudes simples podem deixá-lo mais confiante

Share Button

Passar por mudanças é difícil em qualquer fase da vida, imagina para os pequenos? Se a sua família resolveu morar em outra cidade, o método de ensino da escola do seu filho não se adequa às suas pretensões ou outro motivo te levou a matriculá-lo em um novo colégio, saiba como ajudá-lo a enfrentar esse monstrinho – que nem é de sete cabeças, viu?!

mudança escolar
Foto: Tricae

Bate-papo

A chave para a porta de saída de qualquer problema, aposte no bom e velho diálogo e fuja de pequenas mentiras. Considere a idade do pequeno, os motivos da mudança e explique as coisas da forma mais objetiva possível. Além de fortalecer o vínculo de confiança entre vocês, tratá-lo como uma pessoa capaz de entender e superar os problemas que enfrenta é uma baita força para a autoestima da criança. Caso ela ainda seja pequenininha demais, que tal contar uma historinha em que é personagem? Não existe certo ou errado: sinta o que funciona e vá adaptando. Não pressione.

*Preços sujeitos a alteração

Incentivo à mudança escolar

Leve o pequeno para visitar o novo local de estudos e comente coisas positivas sobre os ambientes. Quem sabe isso não se transforma em ideias para as brincadeiras na hora do recreio com os novos amiguinhos?

Outra dica é tornar os preparativos para os primeiros dias mais leves e divertidos. Na hora de comprar o material escolar, invista nos personagens preferidos e transforme a espera em estímulo para se aventurar com eles. 😉

Depois, proponha à criança que a primeira folha do caderno de desenho carregue uma imagem bem colorida e que remeta a algo que a faz feliz, por exemplo. Lápis à mão, junte-se a ela na hora de construir essa (primeira) memória positiva. <3

Tenha paciência nos primeiros dias de aula e mantenha-se aberta para conversar sobre qualquer coisa. Mudar de escola pode se tornar nota 10!

*Preços sujeitos a alteração

Share Button