Por que devo fazer um chá de bebê?

Existem prós e contras para montar um chá de bebê, por isso preparamos um post para ajudar a acabar com esta indecisão. Além de ser um momento único na vida das futuras mamães é uma super ajuda para completar o enxoval do pequeno. Confira!

Share Button

Por que devo fazer um chá de bebê?O momento de montar enxoval do bebê é muito especial e exige muita atenção dos pais para que nada seja deixado de lado e acabe faltando para o pequeno que está por vir. Com esta preocupação, as futuras mamães contam com a ajuda de pesquisas principalmente da internet e dicas de quem tem experiência como suas próprias mães e amigas que têm filhos. E por falar em ajuda, a melhor forma de conseguir um bom e completo enxoval é com o chá de bebê que, além de reunir as pessoas mais queridas, faz com que a mamãe ganhe diversos itens para mimar o pequeno.

Apesar de saberem das vantagens de organizar um evento como este, algumas mães questionam se compensa organizar tudo e gastar uma boa quantia com uma recepção como esta para ganhar presentes, porém depende de cada caso. Há quem capriche muito para receber os convidados, que podem passar de 100, mas isto não é garantia de que haverá prejuízo, afinal serão muitos presentes. E, principalmente em festas assim, os convidados fazem questão de levar presentes pois sabem que o propósito da festa é este e pode ser deselegante chegar de mãos vazias.

Por que devo fazer um chá de bebê?

Chá para dois, três…

No caso de um chá de bebê de gêmeos ou mais bebês, uma recepção como esta ajuda bastante pois quase tudo que os pais comprariam para um, devem comprar em dobro. Assim, é interessante disponibilizar uma lista para os convidados com os itens que são de maior necessidade como tudo de cuidados e higiene, sempre reforçando que roupas e fraldas nunca são demais. A média de fraldas utilizadas no período entre o 1º e o 22º mês é de 2200, mas irá depender das características de cada bebê como a frequência em que elas devem ser trocadas, por exemplo.

E é por isso que alguns convites são personalizados e especificam o que a mamãe quer de presente. O mais comum é sugerir apenas o tamanho de fralda ou da roupinha que o convidado deve levar para que o bebê tenha itens o suficiente na medida que for crescendo. E no caso das fraldas deve-se fazer a divisão com base na quantidade que será usada em cada fase da infância, sendo divididas entre os tamanhos de recém-nascido, tamanho P, M e G que são estipulados de acordo com o peso da criança.

Por que devo fazer um chá de bebê?

Não tem erro

O restante dos presentes depende do gosto e da preferência de cada mãe. Algumas são mais exigentes e detalhistas do que outras, mas isso acaba não influenciando tanto na hora de montar a lista já que alguns itens são essenciais no dia-a-dia de todo bebê. Homens, por exemplo, preferem levar fraldas pela dificuldade de encontrar presentes bonitos e úteis mas com uma ajudinha do convite fica mais fácil escolher um que agrade à todos.

Porém algumas mães preferem montar seu enxoval sozinhas para escolher tudo o que quiser para seu filho. Nestes casos é interessante organizar pelo menos um chá de fraldas para ajudar com as despesas com fraldas, afinal muitas serão usadas e por um bom tempo. Acompanhando a fralda, o convidado pode levar itens como um pacote de algodão que não é caro e acaba ajudando.

chadebebe

Mamãe cheia de alegria

Pedir a ajuda das amigas na organização é bastante comum já que os chás são realizados entre o 7º e o 8º mês e as mamães ficam cansadas com facilidade. A lista de convidados deve priorizar familiares e amigos próximos e permitir acompanhantes não é obrigatório já que o número de pessoas pode dobrar, coisa que muitos não querem que aconteça. Quando houver mais de uma pessoa da mesma casa convidada com convites individuais, explique no convite que o presente do segundo convidado pode ser mais econômico.

Com tantas vantagens, organizar um chá de bebê ou um chá de fraldas compensa e muito pois toda ajuda é bem-vinda, ainda mais em casos como este que mimar o bebê que está por vir nunca é demais. Pense como um investimento não apenas para ganhar presentes, mas para marcar esta fase gostosa. Desta forma o momento será único e exclusivo da mamãe e do bebê, com muita alegria e descontração e reunindo as pessoas que realmente importam-se com eles.

chadebebe

Share Button